Associação dos Apicultores da Beira Alta

Parque Industrial de Coimbrões
Estrada Romana Lote D
3500-618 VISEU

Telf: 232 471 718
Fax: 232 471 718

E-mail: associacao.apic.ba@gmail.com

Blog: http://associacaoapicba.blogspot.pt

Presidente: António Ferreira
Responsável Técnico:

A Associação dos Apicultores da Beira Alta (AABA) sediada no Parque Industrial de Coimbrões – Viseu, foi fundada em 1986, e é uma associação de direito privado sem fins lucrativos, com personalidade e capacidade jurídica, que visa fomentar o desenvolvimento da apicultura na região.

Foi criada com o intuito de representar os seus associados que são produtores de mel, em defesa dos interesses dos mesmos, perante entidades oficiais, outras associações e organizações nacionais, estrangeiras ou internacionais, designadamente através do poder negocial, podendo estabelecer protocolos com entidades ligadas à produção, transformação, e comercialização do mel.

As funcionalidades definidas são a defesa de todos os apicultores no desempenho da sua atividade específica, seja ela de âmbito técnico (assistência técnica e assessoria, ações de sensibilização e formação), económico, mutuário, sanitário, genético ou de natureza sócio-profissional, quer de âmbito regional, nacional ou mesmo internacional (U.E.).

O número de associados tem vindo a crescer ao longo dos anos (Figura 1), tendo em 2015 sido atingido o número 402. De acordo com esta evolução, também se constata um maior número de colónias, nomeadamente cerca de 12.000 em 2015 (Figura 2).

1
Figura 1 – Evolução temporal do número de sócios da AABA
2
Figura 2 – Evolução temporal do número de colónias dos associados da AABA

Em Janeiro de 2014 a AABA foi reconhecida como entidade gestora de Zona Controlada, sendo que uma zona controlada é uma região em que a ausência de patologias apícolas de declaração obrigatória não foi demonstrada, sendo por isso necessário uma monitorização mais detalhada. Deste modo, tal como pode ser verificado na Figura 3, os concelhos Viseu, Tondela, Carregal do Sal, Nelas, Mangualde, Penalva do Castelo, Satão, Aguiar da Beira, Sernancelhe e Fornos de Algodres integram esta Zona Controlada.

 

3
Figura 3 – Mapa com os concelhos da Zona Controlada da AABA